conecte-se conosco


FOLHA TURISMO

Sengés, o paraíso espera por você

Publicados

em

Lindo espetáculo natural na divisa do Paraná com São Paulo - Foto: Divulgação AEN

Da Redação

Em tempos de pandemia, shoppings e parques urbanos fechados e vida foram do comum a natureza diz: sempre estive aqui e sempre vou estar. Nesses tempo difíceis este é o recado que o planeta nos dá sobre valorizar o natural.

E uma das mais deslumbrantes belezas naturais do Paraná está logo aqui ao lado em Sengés, que vem se tornando referência no turismo nacional e estadual. Rica em belezas da natureza, é um destino que serve como refúgio para quem deseja se desestresar e se desligar da correria do dia a dia.

Considerado o paraíso das cachoeiras o município é localizado na divisa com o Estado de São Paulo, a cerca de 40 km de Jaguariaíva, Sengés tem pouco mais de 20 mil habitantes distribuídos pelas zonas rural e urbana.

Sengés é ainda abençoado com cânions, vales, lagos, grutas e represas que rendem cenários espetaculares de turismo para quem adora ter esse tipo de conexão com o meio ambiente. Como ponto turístico, visite o Poço Encantado, faça a trilha das cachoeiras e encante-se com as quedas d’água da Cachoeira do Corisco.

Leia Também:  Ampliação do CEMEI Pedro Nunes deve dobrar número de vagas

O nome Sengés é uma homenagem ao engenheiro Gastão Sengés, responsável pela construção do trecho da estrada de ferro que cortava a cidade.

A CACHOEIRA DO CORISCO

A atração possuiu a maior queda d’água da região, com aproximadamente 106 metros. Quase na desembocadura do Rio Capivari sobre o Rio Itararé, a cachoeira oferece um bonito espetáculo ao precipitar suas águas cristalinas

Cachoeira do Corisco – Foto Divulgação

sobre um lajeado escuro, proporcionando um contraste surpreendente. Completando o conjunto natural, pode-se apreciar uma exuberante floresta, formações rochosas e campos, com um forte impacto visual.

Localizada em propriedade particular, é imprescindível a autorização dos proprietários. Sendo assim o acompanhamento de guia neste local se faz obrigatório.

PARQUE DA BARREIRA

No paredão de arenito em volta do Rio Itararé, que divide o Paraná de São Paulo, é possível contemplar uma belíssima paisagem. De um lado, a calmaria; de outro, a agitação das águas do rio. Dali saem centenas de andorinhas

Parque da Barreira – Foto Divulgação

de seus ninhos, formando uma bela visão da natureza. O retorno das aves ao entardecer é outro espetáculo. O acesso ao local é apenas pelo lado paulista.

Leia Também:  Número de candidatos ao vestibular 2020/2021 da UFPR cai 20,07%

CACHOEIRA DO SOBRADINHO

Cachoeira do Sobradinho – Foto Divulgação

Um verdadeiro espetáculo da natureza. Com uma queda de aproximadamente 40 metros de altura, a Cachoeira do Sobradinho é uma parada obrigatória para quem visita a cidade. É um lugar que transmite paz e tranquilidade, ótimo para passear, refrescar-se nas águas cristalinas e vislumbrar a paisagem extraordinária.

SOBRE O MUNICÍPIO

Com um passado cheio de história, os primeiros moradores chegaram por volta de 1883, atraídos pelo solo e riquezas naturais. Em 1930, a cidade também virou passagem de combatentes da Revolução de 30, os quais ficaram por muitos dias utilizando das fazendas para concentração e igreja como “hospital” para soldados.

Com a economia fortemente direcionada ao ramo madeireiro, Sengés é referência no setor e considerada a “Capital da Madeira”. É um destino de inúmeras belezas naturais, de refúgio rústico e tranquilo, além de atrações de aventura, como rapel nas cachoeiras.

COMENTE ABAIXO:

Campos Gerais

Prefeitura de Jaguariaíva planeja volta às aulas com segurança sanitária para alunos e servidores

Publicados

em

Foto. Divulgação.

Previsão de início é para o dia 8 de fevereiro, Decisão que deve levar em consideração a evolução dos casos de Covid-19 no município

 

A Secretaria Municipal de Educação, Cultura, Esporte e Lazer (SMECEL) está se preparando para o retorno das aulas neste ano. A previsão de início é para o dia 8 de fevereiro, podendo ser presenciais com a metodologia híbrida, decisão que deve levar em consideração a evolução dos casos de Covid-19 no município e análise das autoridades de saúde e de educação.

Segundo a prefeita Alcione Lemos, o município receberá os alunos seguindo os protocolos de segurança sanitária contra a Covid-19, fornecendo as orientações para ação segura dos servidores e crianças, além de álcool em gel e uso obrigatório de máscaras. As unidades de ensino municipais devem ter uma estratégia diferenciada, incluindo logística especial de transporte escolar, estrutura das escolas, cuidados com manipulação da merenda, entre outros recursos para retomada das aulas presenciais, se este for o consenso.

No caso de retorno com o modelo híbrido, as crianças terão parte das aulas na escola, com número reduzido de pessoas no local. Também serão adotados com este sistema os acompanhamentos dos conteúdos de forma remota, como no ano letivo de 2020, visando evitar as aglomerações e os riscos de contaminação com o novo coronavírus. As matrículas dos alunos já ocorreram nos meses de novembro e dezembro.

 

Leia Também:  Número de candidatos ao vestibular 2020/2021 da UFPR cai 20,07%

Formações

Como em todo início de ano letivo, as equipes escolares participam da Semana Pedagógica, com formações e reuniões para aprimoramento da qualidade dos serviços dos profissionais da educação e ainda para alinhamento de todos com o plano de ação 2021.

Nos dias 26, 27 e 28 serão feitos, com apoio da equipe da Secretaria Municipal de Saúde (Semus), treinamentos sobre os protocolos de segurança específicos contra a Covid-19, voltados aos diretores, motoristas, serviços gerais, merendeiras e outros profissionais da educação. Os encontros serão no Cineteatro Valéria Luercy, com divisão de turmas para assegurar o distanciamento.

As palestras técnicas para a equipe docente e coordenadores serão transmitidas pela internet. Cada profissional vai acompanhá-las em sua instituição de ensino, seguindo as regras sanitárias contra o novo coronavírus.

No dia 1º haverá duas palestras, sendo elas “Educação Integral na Escola Contemporânea: Reflexões Teórico-Práticas” e “Avaliação em Larga Escala: ElementosBasilares para a Construção de Aprendizagens Significativas, Políticas e Sociais”. No dia seguinte os diretores e coordenadores darão as instruções de como proceder em relação aos alunos, de acordo com os protocolos de saúde e segurança. No dia 3 ocorre a “Formação sobre Metodologias Ativas”. O planejamento das atividades das unidades ocorre nos dias 4 e 5. “A SMECEL está com todo o planejamento das ações elaborado e, se as aulas forem liberadas pela SESA/PR, e com o aval do Comitê de Retorno às Aulas Presenciais, atenderemos nossos estudantes com a qualidade de sempre”, destaca a secretária da pasta, Erla Maria Ribeiro de Mello.

Leia Também:  Alcione promove reforma que pode gerar economia de mais de R$ 400 mil por ano

 

VIA: Assessoria de Imprensa

COMENTE ABAIXO:
Continue lendo

ENTRETENIMENTO

MAIS LIDAS DA SEMANA

Aviso importante: A reprodução total ou parcial de qualquer conteúdo (textos, imagens, infográficos, arquivos em flash, etc) do portal não é permitida e, caso se configure, poderá ser objeto de denúncia tanto nos mecanismos de busca quanto na esfera judicial. Se você possui um blog ou site e deseja estabelecer uma parceria para reproduzir nosso conteúdo, entre em contato por e-mail. Copyright © 2020