conecte-se conosco

unopar

WENCESLAU BRAZ

Decisão judicial obriga enfermeiro brazense a se manter em isolamento domiciliar

Publicados

em

Foto: Ilustrativa - Reprodução/Internet

Um enfermeiro de Wenceslau Braz, no Norte Pioneiro do estado, que pode estar contaminado com o coronavírus deverá manter isolamento domiciliar por força de decisão judicial liminar. A decisão, do Juízo da Vara Cível da comarca, atendeu pedido formulado pelo Ministério Público do Paraná, por meio da Promotoria de Justiça local. Em caso de descumprimento, o enfermeiro estará sujeito ao pagamento de multa de R$ 5 mil.

Conforme a ação, o requerido é servidor da Secretaria Municipal de Saúde e teve contato com uma pessoa infectada pelo coronavírus. Em vista disso, recebeu notificação de isolamento domiciliar no período de 11 a 24 de maio, como medida preventiva à propagação da pandemia, enquanto aguarda a realização de exames para confirmação ou não da infecção. Entretanto, no dia 16, conforme apurado pelo MPPR, ele descumpriu o isolamento, indo até a casa de uma amiga para participar de uma festa com outras pessoas. O enfermeiro filmou o encontro e publicou o vídeo em redes sociais. O fato gerou o ajuizamento de ação civil pública que teve nesta quarta-feira a decisão liminar favorável ao pedido da Promotoria de Justiça.

COMENTE ABAIXO:
Leia Também:  Policiais entregam alimentos a assistências sociais das cidades da 2ª Companhia da PM
Propaganda

Cidades

Paraná vai reforçar fiscalização na divisa com São Paulo; Norte Pioneiro é um dos principais acessos

Região tem diversos acessos ao estado vizinho. Objetivo é impedir que pessoas com sintomas da doença entre em território paranaense

Publicados

em

Região tem seis acessos rodoviários ao Estado de São Paulo - Foto: Divulgação

O Governo do Paraná divulgou que vai reforçar a fiscalização na divisa com o Estado de São Paulo. As ações devem começaram nesta quinta-feira (21) e objetivo é impedir que pessoas com sintomas do novo coronavírus entrem em território paranaense.

Ao todo, os 11 postos de fiscalização em rodovias que ligam o estado paranaense ao paulista devem ganhar um reforço de 40% no número de agentes. A decisão foi tomada pelo governador Ratinho Junior em reunião junto aos seus secretários visto o feriado prolongado de seis dias que começou nesta quinta-feira na capital paulista. A preocupação do governo é que isso aumente o fluxo de pessoas para cidades do Paraná.

Com isso, os agentes devem realizar ações de fiscalização, monitoramento e triagem visando identificar pessoas que apresentem os sintomas da Covid-19 e, caso isso seja identificado, o indivíduo será impedido de entrar no estado e deve ser encaminhado a uma unidade de tratamento médico especializado permanecendo isolado até que saiam os resultados dos exames.

Leia Também:  Siqueira Campos registra segunda morte por coronavírus

A operação será comandada pela Secretaria da Segurança Pública em parceria com a Secretária de Estado da Saúde, contando assim a atuação de Policiais Rodoviárias Estaduais, Policiais Rodoviários Federais e Exército. Ao todo, será realizada fiscalização em nove postos da Polícia Militar e dois da Polícia Rodoviária Estadual.

Vale ressaltar que o Estado de São Paulo lidera o ranking nacional de pacientes mortos pelo novo coronavírus no país. Ao todo, são mais de 5 mil mortes e mais de 65 mil casos confirmados da doença de acordo com os dados divulgados na terça-feira (19).

DIVISAS DO NORTE PIONEIRO

Apesar do governo não ter divulgado os locais em que os postos de fiscalização ficam situados, a região do Norte Pioneiro conta com diversos locais de acesso ao estado paulista. Uma das principais entradas de veículos vindos de São Paulo para o Paraná na região é a BR-153 na divisa entre os municípios de Jacarezinho e Ourinhos/SP, rodovia que concentra grande fluxo de automóveis e caminhões.

Divisa de Santana do Itararé com Itaporanga, uma das mais vulneráveis da região – Foto: Arquivo Folha Extra

Outra rodovia que liga os dois estados é a PR-272 entre os municípios de Santana do Itararé e Itaporanga/SP. Este local, inclusive, não há nenhum tipo de fiscalização e conta com rotas de coletivos interestaduais, por exemplo. Vale ressaltar que os dois municípios já registraram casos positivos da doença.

Leia Também:  Cidade do Norte Pioneiro já registra 20 casos da COVID-19

As PR-424 e PR-151 ligam os municípios de Salto do Itararé ao município paulista de Barão de Antônina. Já a PR-218 dá acesso para quem chega do município paulista de Fartura a cidade paranaense de Carlópolis. A PR-151 também dá acesso do município de Ribeirão Claro à cidade paulista de Chavantes e a BR-369 liga Cambará a Ourinhos. Em Andirá, a PR-092 liga o estado paranaense à cidade Palmital/SP.

COMENTE ABAIXO:
Continue lendo

ENTRETENIMENTO

MAIS LIDAS DA SEMANA

Aviso importante: A reprodução total ou parcial de qualquer conteúdo (textos, imagens, infográficos, arquivos em flash, etc) do portal não é permitida e, caso se configure, poderá ser objeto de denúncia tanto nos mecanismos de busca quanto na esfera judicial. Se você possui um blog ou site e deseja estabelecer uma parceria para reproduzir nosso conteúdo, entre em contato por e-mail. Copyright © 2020