conecte-se conosco


Norte Pioneiro

Acusado de sequestrar e estuprar mulher, suspeito é morto na cadeia

Publicados

em

Um homem foi morto no interior da cadeia pública do município de Santo Antônio da Platina. Ele havia sido preso acusado de roubar, sequestrar e estuprar uma mulher no domingo (27). A morte foi confirmada na madrugada desta segunda-feira (28).

De acordo com informações da Polícia Militar, na madrugada do domingo a equipe foi acionada para prestar atendimento a uma ocorrência de roubo uma residência situada no bairro Santa Terezinha. A equipe foi informada que um indivíduo conhecido como “Nenê” havia invadido a casa portando uma faca enquanto os moradores dormiam. Em seguida, ele exigiu dinheiro ao casal e fugiu com o carro da família levando junto uma mulher.

Em posse das informações e características do veículo, um GM/Corsa Classic, as equipes policiais deram início as buscas pela vítima e pelo autor do crime. Quando os policiais encontraram o suspeito, o mesmo empreendeu fuga e, durante a perseguição, o fugitivo acabou batendo em um muro. Ele abandonou o carro e a vítima e fugiu a pé por uma mata, mas acabou sendo cercado e preso pelos policiais, sendo identificado como Wellington Santos Macedo. Já a mulher recebeu os primeiros socorros e, em depoimento, contou aos policiais que, além dos outros crimes, durante a fuga nenê havia lhe estuprado.

Frente aos fatos, Wellington foi preso e encaminhado a 38ª delegacia da Polícia Civil para que fossem tomadas as providências cabíveis ao caso.


 

Leia Também:  Morre técnica de enfermagem que estava internada vítima de acidente na BR-153

MORTE

De acordo com informações do Depen, após a prisão Nenê foi encaminhado para o chamado “Seguro”, isso é, uma cela especial destinada a autores de crimes sexuais. Porém, na sequência, o acusado foi levado para uma cela comum e, em contato com outros presos, acabou sendo morto.

O delegado Rafael Guimarães, responsável pela 38ª DP, informou que instaurou um inquérito para investigar o caso. Ainda não se sabe como e porque o suposto estuprador deixou a cela do seguro e foi para junto aos outros presos, assim como não foi divulgada a causa da morte de Nenê. Seu corpo foi recolhido e encaminhado ao (Instituto Médico Legal) de Jacarezinho.  

Informações: Portal Tá no Site.

COMENTE ABAIXO:

Clique para comentar

Você precisa estar logado para postar um comentário Login

Deixe uma resposta

Norte Pioneiro

Apenas um município da região tem avaliação satisfatória na transparência sobre ações contra a Covid-19

Publicados

em

Foto: Reprodução/Internet

Levantamento feito pelo Ministério Público ainda aponta que em 13 cidades do Norte Pioneiro a divulgação de informações é considerada insatisfatória

 

DA REDAÇÃO

 

Em quatro meses de pandemia no Paraná, o Governo do Estado já direcionou um investimento de R$ 208 milhões aos municípios para ações de combate a pandemia. Nesse cenário, o Ministério Público lançou um portal de transparência para avaliar se as prefeituras estão prestando informações adequadas quanto a aplicação destes recursos e, no Norte Pioneiro, apenas um município teve suas ações de transparência consideradas satisfatórias, enquanto outros dez são classificados como insatisfatória.

De acordo com o mapa da transparência do MP, apenas a cidade de Bandeirantes foi enquadrada com avaliação satisfatória no Norte Pioneiro. O município de 31,3 mil habitantes recebeu nota 90,5 em relação a qualidade dos dados repassados sobre a aplicação dos recursos e ações de combate a Covid-19.


Já a lista dos municípios que foram classificados com avaliação insatisfatória conta com 13 cidades da região, sendo Guapirama (40,0), Uraí (38,0), Cambará (35,0), Jataizinho (35,0), Santo Antônio da Paraíso (35,0), Jacarezinho (33,0), Nova Fátima (33,0), Figueira (25,0), Figueira (25,0), Congonhinhas (10,0), Pinhalão (8,0), Salto do Itararé (2,5), Itambaracá (0,0), Santa Amélia (0,0). Os demais municípios da região receberam classificação parcialmente satisfatória com relação a transparência na divulgação de dados sobre a Covid-19.

Leia Também:  Assembleia Legislativa destina R$105 mil para UENP investir em acessibilidade tecnológica

O Ministério Público considera a mesorregião do Norte Pioneiro formada por 45 municípios, conforme dados do mapa de planejamento do órgão. “Com essa ferramenta, formatada de maneira bastante clara e objetiva, de modo a ser de fácil leitura por toda a população, a própria sociedade poderá atuar no controle das prestações de contas de suas prefeituras e, a partir disso, cobrar dos seus gestores mais transparência no gerenciamento dos recursos públicos”, afirma o procurador-geral de Justiça Gilberto Giacoia

 

Paraná

Ainda de acordo com o balanço realizado pelo MP, dos 399 municípios do estado apenas 50 foram avaliados com grau de transparência satisfatório em suas ações, o que representa 12,5% do total de cidades do Paraná. As informações e o mapa completo da situação no Estado podem ser acessadas pela população através do endereço eletrônico www.click.mppr.mp.br/data-covid.

 

Repasses

Segundo dados do Portal de Transparência do MP, o Paraná já investiu mais de R$ 211 milhões em ações de combate a pandemia que não envolvem apenas investimentos na área de Saúde e aquisição de equipamentos ou remédios. O levanto aponta que as verbas também estão sendo direcionadas para assistência social a famílias e população carente como no caso da aquisição de alimentos nos programas “Comida Boa” e “Compra Direta Paraná”. A secretária de Estado de Agricultura e Abastecimento utilizou R$ 73 milhões deste montante em suas ações de enfrentamento a pandemia.

Leia Também:  Romaneli visita obras de pavimentação e entrega retroescavadeira em Japira

Levando em consideração os dados divulgados sobre a população paranaense em 2019 de acordo com o IBGE, o Paraná conta com aproximadamente 11,43 milhões de habitantes, o que representa que governo do estado e prefeituras tem investido cerca de R$ 18 reais por pessoa em ações de combate a covid-19.

COMENTE ABAIXO:
Continue lendo

ENTRETENIMENTO

MAIS LIDAS DA SEMANA

Aviso importante: A reprodução total ou parcial de qualquer conteúdo (textos, imagens, infográficos, arquivos em flash, etc) do portal não é permitida e, caso se configure, poderá ser objeto de denúncia tanto nos mecanismos de busca quanto na esfera judicial. Se você possui um blog ou site e deseja estabelecer uma parceria para reproduzir nosso conteúdo, entre em contato por e-mail. Copyright © 2020