fbpx
conecte-se conosco


AGLOMERAÇÕES

Mesmo sem circular e com comércio fechado Centro de Wenceslau Braz tem grande movimentação de pessoas

Publicados

em

Foto: Folha Extra.

Reportagem flagrou pais circulando com crianças menores de 12 anos, filas em bancos e lotérica, além de equipes da PM e Vigilância Sanitária dispersando aglomerações na praça da Matriz

PARTICIPE DA NOSSA ENQUETE

Mesmo diante de um dos períodos mais críticos desde o início da pandemia da Covid-19 e com a publicação de decretos do governo estadual e da prefeitura para conter a disseminação do vírus do novo coronavíruas, grande parte da população não tem colaborado. Em Wenceslau Braz, por exemplo, mesmo com a suspensão dos serviços da Circular e fechamento do comércio, a concentração de populações na região Central do município é grande.

A Folha flagrou, nesta quarta-feira (03), aglomerações em filas de bancos e na casa lotérica, circulação de adultos acompanhados de crianças menores de 12 anos pelas ruas, grande concentração de veículos sendo, inclusive, difícil de encontrar uma vaga de estacionamento disponível no Centro da cidade, além de pessoas transitando por vias públicas sem utilizar máscaras de proteção.

Enquanto a reportagem percorria as ruas para acompanhar a situação, foram flagradas equipes da Vigilância Sanitária e Polícia Militar dispersando aglomerações de pessoas que se reúnem para consumir bebidas alcoólicas ou jogar baralho no local, ambas situações proibidas pelos decretos municipal e do governo do estado. A praça, inclusive, chegou a ser interditada nesta terça-feira sendo isolada com fitas para que as pessoas não se aglomerassem no local.

Leia Também:  Empresário de Siqueira Campos morre vítima da Covid-19

“É até mesmo revoltante essa situação, pois você vê sua loja fechada, seus funcionários sem poder trabalhar e as contas chegando e enquanto isso o pessoal está passeando pelas ruas normalmente. É bem complicado, pois a maioria dos comerciantes que estão sem trabalhar tomam todas as medidas de prevenção em suas lojas, mas quando tem que parar a gente para e as pessoas continuam pelas ruas sem cuidado”, desabafou um comerciante que preferiu não se identificar.

“Nós já estamos realizando as ações que nos cabem a fazer. Estamos fiscalizando com a ajuda da Polícia Militar, mas há uma baixa no número de profissionais em nossas equipes que foram diagnosticados pela doença ou tiveram contato com pessoas suspeitas, então afeta nosso efetivo e estamos nos virando como podemos. Em relação a fila dos bancos, o que estamos fazendo é colocar fiscais para acompanhar e orientar as pessoas, pois o decreto do governo saiu bem na semana de pagamento e aí acaba gerando essas filas”, explicou Alexandre da Silva, diretor das Vigilâncias Epidemiológica, Sanitária e de Controle de Zoonoses.

Leia Também:  Prefeitura publica decreto que normaliza atividades em Wenceslau Braz; confira as regras

 

Casos em alta

De acordo com o último boletim epidemiológico publicado até o fechamento desta matéria, a situação da Covid-19 em Wenceslau Braz nesta terça-feira (02) segue com 180 pessoas com a doença ativa e que seguem em isolamento domiciliar. Há ainda 107 casos suspeitos que seguem em investigação e aguardam resultados de exames. Ao todo, desde o início da pandemia já foram registrados 860 diagnósticos da doença, dos quais 663 pessoas se recuperaram da doença e, infelizmente, 17 pacientes perderam a vida devido a complicações causadas pelo coronavírus.

Em relação à aplicação das doses da vacina contra a Covid-19, 650 pessoas já receberam a primeira dose do imunizante e destes248 pessoas já receberam também a segunda dose da vacina.

COMENTE ABAIXO:

Cidades

Empresário de Siqueira Campos morre vítima da Covid-19

Publicados

em

Foto: Reprodução/Internet

Um empresário do município de Siqueira Campos é a mais nova vítima fatal da Covid-19 no município. José Luiz de Carvalho, mais conhecido como Zé Jacaré, morreu na noite desta quinta-feira (08). Esta é a 20ª morte causada pela doença no município. As informações são do radialista Claret Coutinho.

Zé Jacaré estava internado em um hospital de Ivaiporã. Familiares informaram que o empresário foi entubado na última segunda-feira (05), mas devido a complicações relacionadas a doença não resistiu e veio a óbito. Seu corpo será sepultado em Curitiba.

O empresário foi um dos primeiros a instalar uma industria de confecções no município de Siqueira Campos, ainda na época do então prefeito Dirceu Rodrigues gerando emprego e renda na cidade.

COMENTE ABAIXO:
Leia Também:  MPPR alerta sobre possível golpe contra prefeituras feito no Whats
Continue lendo

ENTRETENIMENTO

MAIS LIDAS DA SEMANA

Aviso importante: A reprodução total ou parcial de qualquer conteúdo (textos, imagens, infográficos, arquivos em flash, etc) do portal não é permitida e, caso se configure, poderá ser objeto de denúncia tanto nos mecanismos de busca quanto na esfera judicial. Se você possui um blog ou site e deseja estabelecer uma parceria para reproduzir nosso conteúdo, entre em contato por e-mail. Copyright © 2021