12.2 C
Wenceslau Braz

Oito municípios da região somam quase 2 mil casos ativos e ultrapassam 500 mortes pela Covid-19

Em Wenceslau Braz e Siqueira Campos foram registradas novas mortes durante o feriado. Em Carlópolis, equipe da Saúde emitiu nota de apelo para que população colabore

A nova onda de contágio da Covid-19 parece estar cada dia mais forte em todo o país, o que infelizmente não exclui o Paraná e a região do Norte Pioneiro. De um lado, profissionais da Saúde lutando contra o tempo e demais adversidades para tentar salvar vidas e famílias em luto, de outro, a imprudência de quem ainda não acredita ou não quer acreditar que a doença é fatal.

- Advertisement -

Em Siqueira Campos, o feriadão de Corpus Christi terminou com o número de mortes chegando a casa dos 69, sendo que ao menos duas pessoas morreram entre a quarta-feira (02) e o domingo (06). O município segue com 269 casos ativos da doença, dos quais 29 estão internados.

Já no município vizinho, Wenceslau Braz, o número de casos ativos e óbitos também aumentou em relação a quarta-feira. De acordo com o boletim informativo divulgado neste domingo (06), mais duas pessoas morreram vítimas da doença e o município chegou ao total de 71 mortes desde o início da pandemia. Até a noite deste domingo, 204 pessoas estavam com a doença ativa. Entre as vítimas fatais da doença, um jovem de apenas 22 anos.

- Advertisement -

Em Santo Antônio da Platina, o número de casos ativos é alto e coloca as autoridades de Saúde em alerta. Segundo o boletim divulgado na noite do domingo, ao todo 542 pessoas estão com a doença ativa no município que já perdeu 113 vidas para o coronavírus desde o registro do primeiro óbito.

Em Ibaiti, o boletim divulgado nesta segunda-feira aponta 374 casos ativos da doença no município, além de 104 pessoas que perderam a vida para a Covid-19 desde o início da pandemia. Já em Jacarezinho, são 196 casos ativos da doença que já matou 104 moradores do município.

No município de Carlópolis a situação segue tão complicada que levou a secretaria municipal de Saúde a emitir um apelo à população. De acordo com o boletim informativo deste domingo, são 156 casos ativos da doença, dos quais 17 seguem internados. Desde o início da pandemia, o coronavírus já matou 26 pessoas no município.

Segundo o texto, o município segue em uma alta significante no número de diagnósticos da doença, o que tem resultado em mais pacientes internados e, consequentemente, mais óbitos, visto que quase todos os municípios da região não conseguem mais vagas para transferência devido aos leitos de UTI estarem lotados. Dentre as orientações, o texto pede para que os moradores evitem viajar ou receber visitas, dar preferência a comércios que fazem entrega em casa, sair apenas quando necessário e utilizando máscara e álcool gel, manter o distanciamento social e, caso sinta algum sintoma da doença, permaneça isolado, avise as pessoas com quem convive e procure apoio especializado.

Em Santana do Itararé, até o último boletim divulgado na sexta-feira (04) o município estava com 40 casos ativos da doença, além de já ter registrado 21 óbitos. Já em Tomazina, a pequena cidade no último dia 04 estava com 116 casos ativos da doença dos quais 16 estavam internados, além de já ter registrado 16 mortes.

 

IRRESPONSABILIDADE

Mesmo com a doença aumentando e tirando vidas, algumas pessoas seguem desrespeitando a Lei e a vida do próximo.

Em Ibaiti, por exemplo, na noite do sábado (05) equipes da Polícia Militar dispersaram cerca de 60 pessoas que estavam em uma festa clandestina no Distrito do Campinho. Segundo informações da PM, os policiais receberam denúncias que motociclistas estariam realizando manobras perigosas no local e, com isso, agentes da inteligência se dirigiram até o local para averiguar a situação. Com isso, foi identificada a aglomeração de pessoas descumprindo as medidas de proteção e desrespeitando o toque de recolher.

- Advertisement -

Deixe uma resposta

MAIS NOTÍCIAS