conecte-se conosco


Entretenimento

Caio Coppolla se afasta da CNN Brasil e web dispara: “Já meteu atestado?”

Publicados

em


source

Na última quarta-feira (18), Caio Coppolla foi afastado de seu posto como comentarista político na CNN Brasil . Em seu perfil no Instagram, ele explicou que teve um mal-estar e o canal considerou melhor deixá-lo em casa. 

Leia também: CNN Brasil divulga primeira chamada para estreia neste domingo

Caio Coppolla arrow-options
Reprodução CNN Brasil

Caio Coppolla

Leia também: Ao vivo, Mari Palma chora ao estrear na CNN Brasil: “Momento especial”

Caio Coppolla estreou na CNN Brasil na última segunda-feira (16) e chamou atenção por levar a pior em debates contra a mestre em direito Gabriela Prioli no “CNN Novo Dia”. Ao saber do afastamento do comentarista, a web não perdoou. “Já meteu um atestado pra fugir da Gabi?”, alfinetou um internauta. 

Leia também: Estreia da CNN Brasil agita web: “Esperança de jornalismo isento”

“Pessoal, muito obrigado pela preocupação, pelas orações e pelas mensagens de carinho! Tive sintomas que se agravaram ontem e por recomendação médica estou em tratamento no hospital, fazendo uma série de exames (inclusive para Covid-19, por precaução). A última coisa que eu queria era ficar doente na semana de estreia da CNN , mas assim que os doutores liberarem, volto ao ar! Mais uma vez, valeu de coração pela força e pela torcida”, dissertou Caio em seu perfil no Instagram.

Leia Também:  Jornalista da Globo erra horário ao vivo e web compara com Carlos Tramontina

No Twitter, a CNN Brasil anunciou que Caio será substituído por Tomé Abduch, do movimento Nas Ruas, para falar sobre internação compulsória. O afastamento do comentarista gerou inúmeras reações nas redes. 



Leia Também:  Zezé Di Camargo cancela show e esposa fala: "Quatro meses sem entrar dinheiro"



Fonte: IG GENTE

COMENTE ABAIXO:
Propaganda

Entretenimento

“Funk orientação”: durante quarentena, funkeiro faz hit sobre coronavírus

Publicados

em


source

O funk pode estar ajudando a conscientizar a população sobre as formas de se proteger do coronavírus. Marcelo Valentim, o MC Tchelinho , que integra o coletivo Heavy Baile, compôs um “batidão” dando orientações sobre higiene e a sobre a importância da quarentena para frear a pandemia do Covid-19.

Leia também: Os famosos que foram infectados pelo coronavírus

Mc Tchelinho arrow-options
Reprodução/Instagram/@mctchelinho

Mc Tchelinho


Leia também: Chitãozinho e Xororó vão cantar “Evidências” pela janela

“Corona tá na pista / eu vou ficar em casa / se liga aí os irmãos / e as minas da quebrada”, começa Tchelinho. “Devemos lavar a mão / álcool em gel é a parada / se espirrar tampa com o braço / e não põe na cara”, diz a letra do funk .

Leia também: Participante do “Big Brother” da Itália desiste do programa por familiar com corona

A música é feita no ritmo 150 BPM, um subgênero que nasceu nas favelas do Rio de Janeiro . “Ela é bem direcionada para o povo da favela, para o gueto, sei que estou falando direto com o meu povo”, disse o autor do funk em entrevista para a revista Veja Rio . “Quero ajudar a salvar vidas. cada um luta com as suas armas. A minha é essa”, finalizou.

Leia Também:  Zezé Di Camargo cancela show e esposa fala: "Quatro meses sem entrar dinheiro"


Fonte: IG GENTE

COMENTE ABAIXO:
Continue lendo

ENTRETENIMENTO

MAIS LIDAS DA SEMANA

Aviso importante: A reprodução total ou parcial de qualquer conteúdo (textos, imagens, infográficos, arquivos em flash, etc) do portal não é permitida e, caso se configure, poderá ser objeto de denúncia tanto nos mecanismos de busca quanto na esfera judicial. Se você possui um blog ou site e deseja estabelecer uma parceria para reproduzir nosso conteúdo, entre em contato por e-mail. Copyright © 2020