conecte-se conosco


Entretenimento

“Funk orientação”: durante quarentena, funkeiro faz hit sobre coronavírus

Publicados

em


source

O funk pode estar ajudando a conscientizar a população sobre as formas de se proteger do coronavírus. Marcelo Valentim, o MC Tchelinho , que integra o coletivo Heavy Baile, compôs um “batidão” dando orientações sobre higiene e a sobre a importância da quarentena para frear a pandemia do Covid-19.

Leia também: Os famosos que foram infectados pelo coronavírus

Mc Tchelinho arrow-options
Reprodução/Instagram/@mctchelinho

Mc Tchelinho


Leia também: Chitãozinho e Xororó vão cantar “Evidências” pela janela

“Corona tá na pista / eu vou ficar em casa / se liga aí os irmãos / e as minas da quebrada”, começa Tchelinho. “Devemos lavar a mão / álcool em gel é a parada / se espirrar tampa com o braço / e não põe na cara”, diz a letra do funk .

Leia também: Participante do “Big Brother” da Itália desiste do programa por familiar com corona

A música é feita no ritmo 150 BPM, um subgênero que nasceu nas favelas do Rio de Janeiro . “Ela é bem direcionada para o povo da favela, para o gueto, sei que estou falando direto com o meu povo”, disse o autor do funk em entrevista para a revista Veja Rio . “Quero ajudar a salvar vidas. cada um luta com as suas armas. A minha é essa”, finalizou.

Leia Também:  Julgamento de Gusttavo Lima é marcado e ele pode perder R$ 20 milhões


Fonte: IG GENTE

COMENTE ABAIXO:

Entretenimento

‘Fui errada e preciso melhorar’, diz Marília Mendonça ao se desculpar após fala transfóbica

Publicados

em

Reprodução Facebook

Folhapress

A cantora Marília Mendonça, 25 anos, teve de ir às redes sociais na manhã desta segunda-feira (10) para pedir desculpas por um comentário rotulado como transfóbico por parte dos seguidores. Em sua live no último sábado (8), ela fez uma piada sobre a ida de um colega músico a uma boate gay.

Na ocasião, deu a entender que ele teria ido se encontrar com um possível travesti. “Ele disse que lá foi o lugar em que ele beijou a mulher mais bonita da vida dele. É só isso. O contexto vocês não vão saber”, disse ela para a risada da banda toda. “Era mulher mesmo”, respondeu o músico que teria ido ao local.

No Twitter, Marília se desculpou. “Pessoal, aceito que fui errada e que preciso melhorar. Mil perdões. De todo o coração. Aprenderei com meus erros. Não me justificarei”, escreveu ela que não vai mais comentar o tema.

Na internet, muita gente se sentiu ofendido com o comentário. “Marília Mendonça sendo transfóbica. Se o conhecido dela foi e beijou uma trans, fez muito bem”, disse um seguidor. “Até quando o ato de se relacionar com uma trans vai ser piada?”, indagou outro.

Leia Também:  Participante do "Big Brother" Itália desiste de programa por familiar com corona

Fonte Paraná Portal

COMENTE ABAIXO:
Continue lendo

ENTRETENIMENTO

MAIS LIDAS DA SEMANA

Aviso importante: A reprodução total ou parcial de qualquer conteúdo (textos, imagens, infográficos, arquivos em flash, etc) do portal não é permitida e, caso se configure, poderá ser objeto de denúncia tanto nos mecanismos de busca quanto na esfera judicial. Se você possui um blog ou site e deseja estabelecer uma parceria para reproduzir nosso conteúdo, entre em contato por e-mail. Copyright © 2020