Radar

Adolescente é detida com 300 pedras de crack na vagina

Suspeita foi levada para delegacia e acabou confessando onde havia escondido a droga

A equipe da Polícia Militar do município de Ibaiti realizou a apreensão de 300 pedras de crack durante o início da noite desta terça-feira (19). O que mais chamou a atenção foi o local onde a droga estava escondida, na vagina de uma adolescente.

Tudo começou quando os policiais receberam informações por meio da equipe ALI (Agência Local de Inteligência) de que uma mulher havia adquirido uma quantia de entorpecentes e iria levar a droga até a sua residência acompanhada do filho menor de idade e uma adolescente. Assim, os policiais montaram um ponto de vigilância na Rua Marcolino Cipriano e aguardaram até que a suspeita passasse pelo local.

Por volta das 19h20, a mulher passou pela rua acompanhada do filho menor de idade e da adolescente que é sua nora, sendo então realizada a abordagem policial. Como com o garoto nada de ilícito foi encontrado, a suspeita e a jovem foram encaminhadas a sede da 3ª Companhia da PM para que as mesmas fossem revistadas por uma policial feminina.

Assim que chegaram ao local e deram de cara com a PM feminina, a adolescente resolveu confessar que estava transportando e crack em suas partes intimas. Com isso, a policial feminina acompanhou a jovem até o banheiro para que a adolescente pudesse realizar a retirada do entorpecente de seu corpo. Após realizar a pesagem da droga, foi constada a quantia de 30 gramas que, de acordo com a equipe da PM, após fracionada renderia 300 pedras de crack.

Diante do flagrante, a adolescente a mulher foram levadas para delegacia da Polícia Civil. Sob a mulher, recaem diversas denúncias de seu envolvimento com o tráfico de drogas e de que ela estaria corrompendo o filho e a nora menores de idade para vender entorpecentes sendo que, no início do ano, os policiais apreenderam uma balança de precisão na residência da suspeita.