Colunas

Após empréstimo ao Botafogo, João Pedro retorna ao Atlético e pode preencher lacuna

(Foto: Vitor Silva/SSPress/Botafogo)

O meia João Pedro estará de volta ao Atlético em 2019. O jogador de 21 anos estava emprestado ao Botafogo, e se reapresenta ao Furacão no dia 2 de janeiro. Ele estará no grupo de aspirantes que vai disputar o Campeonato Paranaense.

João foi cedido pelo Rubro-Negro ao Fogão em abril, logo após a conquista do estadual pelo Atlético, sob o comando do técnico Tiago Nunes, atualmente à frente do time principal. Ele chegou ao time carioca com o aval do então técnico Alberto Valentim - depois, Zé Ricardo assumiu a equipe. O meia, no entanto foi pouco utilizado e participou de oito jogos, todos pelo Brasileirão, sem nenhum gol ou assistência. Foram quatro jogos como titular e quatro como reserva. Sua última partida foi no dia 9 de outubro, no jogo entre Botafogo e Vasco.

 

Coritiba mira destaques da Série B

Passado o período de turbulência política e garantida a permanência de Samir Namur na presidência para 2019, o Coritiba agora foca exclusivamente na montagem do elenco para a próxima temporada. De acordo com o técnico Argel Fucks, entre cinco e seis jogadores serão contratados para reforçar o elenco e a expectativa é que todos sejam jogadores com capacidade para assumir a condição de titulares.

“Devemos contratar de cinco a seis jogadores, não mais que isso, e acoplar os jogadores que estão aí, que vão permanecer, e a garotada que está chegando, que é o caso do Nathan, do Carvalbo, Matheus Bueno, Iago e Kady”, disse Fucks em entrevista ao programa Nação Coxa-Branca, produzido pela equipe de comunicação do próprio Coritiba.

 

Contratações e saídas do Paraná: veja quem chega e quem vai embora do clube

Após a campanha ruim no Campeonato Brasileiro e o rebaixamento à Série B, o Paraná já planeja a próxima temporada. O técnico Dado Cavalcanti será mantido e pretende contar com 15 jogadores do atual elenco para 2019. O clube busca reforços e já acertou a primeira contratação para o Paranaense.

Até o fechamento da matéria forma anunciados os seguintes nomes para estreia do Paraná no Campeonato Paranaense. Chega: Itaqui.  Saem: Caio Henrique, Carlos e Cléber Reis.

 

Sergio Malucelli diz que não vai renovar contrato com o Londrina

A parceria entre Londrina e SM Sports pode chegar ao fim em 2020, ano que termina o contrato entre as duas partes. O gestor do Tubarão e presidente da SM Sports, Sergio Malucelli, disse que, neste momento, não pretende renovar o vínculo com o clube.

Malucelli deve anunciar que não vai prorrogar a parceria em uma reunião com conselheiros do clube nesta segunda-feira (03). Entre os motivos para não renovar o contrato, o dirigente citou principalmente em "cansaço profissional", além de reclamar do pouco apoio da cidade no período que esteve comandando o futebol do Londrina.

“Vou cumprir o meu contrato até o fim, mas estou 99% decidido que não vou renovar. É pelo cansaço mesmo, também pela falta de apoio. Sempre ouvi a conversa de que isso iria melhorar, mas já fomos para todos os lugares com o clube”, disse Sergio Malucelli.