Radar

Família que morreu em carro levado pela correnteza será sepultada hoje

Das cinco pessoas que estavam no veículo, uma conseguiu escapar, duas foram encontradas no domingo e outras duas nesta segunda-feira, sendo, uma delas, uma criança de três anos
Quatro pessoas da mesma família morreram vítima do acidente. Corpos serão sepultados nesta terça-feira em Ribeirão Claro (Fotos: NP Diário)

Um acidente que vitimou quatro pessoas da mesma família comoveu os moradores da região do Norte Pioneiro na noite do último domingo (26). Um VW/Gol com placas de Ribeirão Claro acabou sendo arrastado pelas correntezas de um córrego que transbordou e inundou a pista da PR-151 no KM 31 devido às fortes chuvas no final da tarde.

A família estava voltando de uma festa de aniversário na casa de parentes que moram no município de Carlópolis. No veículo, além do motorista, havia outros quatro ocupantes e, entre eles, uma mulher grávida de seis meses e uma menina de apenas três anos.

O acidente teria acontecido quando o motorista chegou ao local onde a pista estava inundada e seguiu tentando atravessar o alagamento, mas, ao perceber que não seria possível realizar a manobra, ele engatou marcha ré para tentar retornar. Neste momento, o veículo apagou e não foi mais possível ligá-lo e o carro foi arrastado pelas águas.

Das cinco pessoas que estavam no carro, apenas uma sobreviveu ao acidente. Branco, que estava no banco de trás, conseguiu quebrar um dos vidros do carro e se agarrar a um galho, permanecendo até que a força da água diminuísse. Já os outros ocupantes acabaram sendo levados junto com o veículo.

O carro foi avistado sendo carregado pelas águas por moradores de uma fazenda que fica próxima ao rio. Segundo eles, devido às chuvas, o rio transbordou em cerca de apenas duas horas. Eles percorreram as margens do rio em busca do veículo, mas, depois de algumas horas de procura, acabaram sendo surpreendidos ao encontrar dois corpos. Eles foram recolhidos e encaminhados para o IML (Instituto Médico Legal) de Jacarezinho na manhã da Segunda-feira (27).

Também na manhã da segunda-feira, a equipe do Corpo de Bombeiros de Jacarezinho realizou buscas rio a dentro por uma extensão de quatro quilômetros, contando com a ajuda e mobilização de moradores da região. O carro foi localizado submerso no rio a cerca de 1 quilômetro do local de onde foi arrastado.

Conforme as horas iam passando, a agonia aumentava. Surgiu a hipótese de que os corpos da mulher e da menina podiam ter seguido a correnteza do rio e já estarem na represa de Carlópolis.

Durante a tarde, as buscas ganharam o apoio da equipe de Corpo de Bombeiros da cidade de Londrina, que trouxeram mais equipamentos de buscas para aumentar as possibilidade de encontrar os corpos. Assim, os corpos da mulher e da menina foram encontrados próximos um ao outro em uma represa que fica a cerca de 3 quilômetros do local do acidente.

Duas das vítimas que estavam no veículo foram identificadas como André Gonçalves, de 26 anos, e Hilário de Freitas Neto, de 22 anos. Danielle Cristina Silveiro de Freitas, 21 anos, Nicolly Silveiro de Freitas, 3 anos.

Os quatro corpos estão sendo velados em Ribeirão Claro nesta terça-feira (28).