Radar

Juri condena terceiro acusado de estuprar e matar jovem em Ibaiti

Alice Oliveira de Melo foi estuprada e morta em 2015. Dois outros acusados de envolvimento com o crime já foram condenados
(Foto: Reprodução/Internet)

O júri popular condenou a mais de 27 anos de prisão José Agnaldo Correia Netto, 37 anos. Ele é o último dos três acusados pela morte de Alice Oliveira de Mello, 18 anos, que aconteceu no dia 25 de fevereiro de 2015.

O corpo de Alice foi encontrado em uma construção no conjunto Sub 50, município de Ibaiti. A jovem estava seminua e com marcas de facadas em seu pescoço. A Polícia Civil instaurou um inquérito para identificar os responsáveis pelo crime, sendo os nomes de Fabiano Paulino da Silva, de 27 anos, Leonilto Aparecido Lopes, de 47 anos, e José Agnaldo entregues a Justiça.

Fabiano e Leonilto foram julgados e condenados em dezembro do ano passado, enquanto José ficou aguardando julgamento. Leonilto foi absolvido dos crimes de estupro e assassinato, mas o Ministério Público recorreu da decisão que ainda não foi julgada. Já Fabiano foi condenado a mais de 26 anos de reclusão.

O julgamento de José foi realizado nesta quarta-feira (10) devido a sua defesa ter realizado o pedido para que ele fosse julgado em separado. A sessão do júri durou mais de 12 horas.

 

Colaboração: Informe Policial.