Opinião

O apoio a Rodrigo Maia

(Foto: Divulgação)

Ao contrário do que era de se esperar o PSL oficializou o apoio de Rodrigo Maia (DEM), à presidência da Câmara.

Segundo Bolsonaro, o apoio à Maia é puramente com o interesse de fazer passar pela Câmara a tal Reforma da Previdência.

 

Caos no Ceará

Depois que o governador do Ceará, Camilo Santana (PT), decidiu – depois de quatro anos de gestão – que deveria fazer a limpa em presídios do estado, acabando com regalias entre facções criminosas, e prometendo fazer jogo duro contra celulares e armas nas celas; bandidos começaram uma verdadeira ação terrorista por diversos municípios do estado.

Santana pediu ajuda federal para intervir – o que foi prontamente atendido por Bolsonaro e Sérgio Moro, o novo ministro da Justiça.

Mídias alternativas como o MBL questionam se isso não seria uma tática proposital do PT: criar caos para que seja forçada uma intervenção militar; fazendo com que a votação da Reforma da Previdência ficasse congelada enquanto a ação durasse.

 

Nova presidência da Caixa

Pedro Guimarães - o novo presidente do Banco Caixa - começou sua gestão dizendo que quem for da classe média não mais poderá ter desconto para crédito habitacional, como o Minha Casa, Minha vida. Na prática, quem estiver dentro do padrão terá juros de mercado.
“Para quem é classe média, tem que pagar mais, ou vai buscar no Santander, no Bradesco e no Itaú.”, ressaltou.

As polêmicas não terminaram por aí, a Caixa ainda determinou cortes milionários na verba de times de futebol e campeonatos estaduais que tinham patrocínio do banco. Cerca de 25 clubes terão os contratos finalizados agora em 2019.

Só em 2018 a Caixa gastou mais de 190 milhões de reais com o futebol.

 

As mamatas televisivas

Bolsonaro também anunciou que a verba destinada aos canais de TV aberta sofreria um grande corte, fazendo com que todas as emissoras recebam exatamente o mesmo valor, independente de sua audiência ou público.
A emissora que mais perderá com isso será a Rede Globo de Televisão.

Apesar de anunciar uma medida tão diferenciada como essa, o ministro Santo Cruz disse que a emissora EBC, conhecida como “TV Lula” não será extinta – embora tenha sido uma das promessas da campanha de Bolsonaro.

A emissora é uma das centenas de estatais criadas nos governos petistas. Desde sua criação, a emissora EBC já sugou mais de 4 bilhões de reais dos cofres públicos.

 

Privilégios e mais privilégios

Recentemente Rosell Mourão, filho do Vice-presidente Hamilton Mourão subiu de cargo no Banco do Brasil, se tornando assessor.

O cargo, além de ser de alta confiança, tem um salário de 36 mil reais.
Mourão-pai teve ainda que se explicar com o presidente Bolsonaro sobre a nomeação do filho.

A explicação é que o mesmo tem mérito próprio, sendo que entrou no BB através de concurso publico e sua carreira lá dentro chega a quase duas décadas, sendo que onze desses anos foi na Diretoria de Agronegócios do banco.

Rosell não teria subido de cargo anteriormente por perseguição política.