Colunas

Paizão, mas com autoridade: os primeiros passos de Sandro Forner no Coritiba

O técnico Sandro Forner começa a dar sua cara para o time do Coritiba para a temporada de 2018. Apresentado na última quarta-feira (04), ele já mostra seu estilo, com muitas conversas e orientações firmes. É um "paizão", como os próprios jogadores definem, mas com autoridade.

Sandro Forner parava o treino de segunda-feira (08), a todo momento para passar orientações. Ele se aproximava do jogador, apontava a direção e dava as informações necessárias.

Em vários momentos, o comandante alviverde levantava a voz para garantir que todos haviam entendido.

 

Com três gols na carreira, Marcinho tem desafio de suprir setor carente no Atlético-PR

 

O atacante Marcinho ainda não oficializado como reforço do Atlético-PR, mas já sabe que terá um desafio pela frente: suprir um setor carente no novo clube. Para a nova temporada, o Furacão teve as saídas de Douglas Coutinho (emprestado ao Ceará) e Lucas Fernandes (retornou ao Fluminense).

O currículo de Marcinho, porém, não conta com grandes feitos quando o assunto é bola na rede. O jogador de 22 anos tem apenas três gols na carreira. Ele marcou um gol pelo São Bernardo, no Paulistão de 2017, na vitória por 3 a 1 sobre o Osasco Audax, e anotou outros dois pelo São Paulo - um na vitória por 2 a 1 sobre o Atlético-MG e outro no empate por 2 a 2 com o Atlético-GO.

 

Após reformulação, Paraná Clube inicia 2018 com nove remanescentes do acesso

 

O grupo do Paraná Clube passou por uma reformulação após o acesso à Série A do Campeonato Brasileiro. Peças-chave do time no ano passado como Eduardo Brock, Maidana e Gabriel Dias deixaram o Tricolor - eles acertaram com Goiás, Atlético-MG e Internacional, respectivamente.

A diretoria paranista, porém, conseguiu manter uma espinha dorsal. Ao todo, nove jogadores permaneceram: o goleiro Richard, o lateral-direito Júnior, o zagueiro Rayan, o lateral-esquerdo Igor, o volante Leandro Vilela, o meia Zezinho e os atacantes Minho, Vitor Feijão e Alemão.

Vale lembrar que o volante Jhonny, o meia Guilherme Biteco e atacante Felipe Augusto estavam no grupo em 2017 e seguem na temporada atual.

 

 

Cria do Corinthians, Del'Amore encara Londrina como "vitrine" e espera chance

 

O zagueiro Vinicius Del'Amore chegou ao Londrina atraído pelo perfil revelador do clube. Criado na base do Corinthians, o jogador de 21 anos quer repetir os passos do atacante Artur e do lateral-esquerdo Ayrton, que se destacaram ao Tubarão em 2017 e vão reforçar Palmeiras e Fluminense, respectivamente, nesta temporada.

“Conversei com alguns atletas que passaram aqui, o Artur é um amigo meu, já o enfrentei algumas vezes na categoria de base. Conversando com alguns atletas, eu pude perceber que o Londrina tem essa característica de revelar jogadores, de colocar jogadores novos na vitrine. A minha escolha foi também por conta disso”, disse o reforço do Londrina.