Política

‘Para ser um senador em favor do Paraná'

(Foto: Alex Ferreira-Câmara dos Deputados)

1 - Por que trocar uma reeleição certa [para deputado federal] por uma pré-candidatura ao Senado?

Para ser um senador em favor do Paraná. Acredito que na vida a gente tem que assumir desafios, sair da nossa zona de conforto. Um projeto como este, que se desenha neste momento, me entusiasma bastante, e acredito que o que eu tenho feito ao longo de trinta anos por algumas regiões, como senador eu terei uma condição muito melhor para poder ajudar a desenvolver ainda mais o Paraná. Quero levar toda minha experiência, dedicação e entusiasmo para transformar grandes sonhos do povo do Paraná em realidade.

 

2 - O Paraná está mal representado em Brasília?

A representação na Câmara é muito forte. Temos vários deputados com grande projeção, especialistas em diversas áreas e acima de tudo há união na bancada. Já com relação ao Senado não vejo isso, principalmente dois senadores que, às vezes, até atrapalham o Paraná. Tivemos, por exemplo, a questão de um empréstimo internacional que o Governo do Estado estava solicitando, e que precisava de autorização do Senado, mas infelizmente não houve o apoio da maioria da nossa bancada lá. O próprio ex-governador Beto Richa precisou pedir apoio a outros senadores, de outros estados, para ajudar o Paraná, simplesmente porque ele não podia contar com esses nossos senadores. Um completo absurdo!

 

Alex Canziani, deputado federal, quer alçar voos maiores para ajudar a alavancar o desenvolvimento do Estado. “Não estamos sendo bem representados”, diz.

 

3 - Em qual chapa o senhor vai estar?

O nosso projeto é estar na chapa com a governadora Cida Borghetti e numa dobrada junto com Beto Richa na disputa pelo Senado, para que a gente possa correr junto, percorrer o Estado, levar as nossas propostas e, acima de tudo, trabalhar por um Paraná melhor.

 

4 - Quais são suas metas no Senado?

Quero ser um senador que busca oportunidades e que seja uma ponte dos interesses do nosso Estado e das necessidades da população junto ao governo federal. Quero usar toda força que o senador tem, e é muita, e assim viabilizar melhores condições para todos. Quero ser também um grande defensor dos municípios, e eu já tenho uma tradição muito forte neste sentido como deputado. Quero buscar projetos inovadores na saúde, no agronegócio, e obviamente vou continuar com um foco muito grande na educação. A educação é estratégica para o Brasil. O Brasil perde muitas oportunidades e se nós não tivermos uma educação de qualidade perderemos ainda mais competitividade, significando piores empregos e menos desenvolvimento.

 

5 - Como será o governo de Cida Borghetti no Paraná?

Acredito muito na Cida. Eu a conheço enquanto deputada estadual, federal e vice-governadora. Tenho o melhor relacionamento com ela, sei da sua disposição, da competência! Acredito que ela vai montar uma equipe muito boa e vai conseguir fazer um trabalho muito bom. Ela vai continuar várias ações importantes que vinham sendo feitas pelo governo [Beto Richa], mas eu acredito também que ela dará o seu ‘toque’ pessoal. Ela vai mostrar a que veio a primeira governadora do Paraná!