Radar

Polícia prende três pessoas suspeitas de envolvimento no homicídio do comerciante Keko

A Polícia Civil de Arapoti prendeu três pessoas por envolvimento no homicídio que vitimou um comerciante na cidade conhecido por Keko. Uma mulher de 21 anos e um homem de 37 foram presos, além de um adolescente de 17 anos apreendido.

Maiores detalhes serão divulgados nesta quinta-feira às 13h30 em uma entrevista coletiva que será concedida pelo delegado Gumercindo Athayde.

 

 

Relembre o caso

No início da manhã do último dia 29 por volta das 8h, o corpo do comerciante Lupércio de Paula, mais conhecido como Keko, de 47 anos, foi encontrado nas proximidades da Unidade Básica de Saúde (UBS) Santa Rita no bairro Jardim Aratinga em Arapoti. 

Segundo informações repassadas pela Polícia Militar, a vítima apresentava sinais de perfurações em partes do corpo, indicando ter sido agredido por uma espécie de facão.

Ainda de acordo com a PM, o veículo de Keko, um Honda/Civic, foi encontrado abandonado em outro local, porém no mesmo bairro. 

Keko tinha um comércio de produtos importados no centro da cidade e era uma pessoa conhecida e bem relacionada  na sociedade local. O corpo da vítima foi encaminhado ao IML (Instituto Médico Legal) de Ponta Grossa.