Opinião

Por que?

Por que muitas famílias são obrigadas a se reunir no Natal, não para celebrar, mas para enterrar vítimas de acidente?

Por que muitas famílias são obrigadas a se reunir no Natal, não para celebrar, mas para enterrar vítimas de acidentes?

Por que os motoristas continuam passando a 154 km por hora pelos radares?

Por que tomar uma cerveja é mais importante que a vida das pessoas que você carrega no carro?

Por que a chuva continua sendo um sinal de largada para uma corrida da qual ninguém sai vivo?

Por que confiar na potência do motor, quando o melhor é confiar no seu bom senso?

Por que os pais de família continuam saindo atrasados para fazer viagens longas?

Por que 98% dos acidentes são causados por imprudências de quem está ao volante?

Por que chegar na hora marcada é mais importante que chegar vivo?

Por que um alerta de velocidade por alguém que está do lado continua sendo uma “encheção”?

Por que ultrapassar em local proibido é uma oportunidade melhor que o cuidado com a vida de quem está vindo do outro lado?

Por que os condutores alegam “experiência”, quando alguém pede “prudência”?

Por que sempre “parece” que vai dar tempo, mas nunca dá?

Por que comprar caixas e caixas de cerveja é prioridade e trocar um pneu careca não?

Por que nenhuma campanha na TV, jornais, revista ou internet consegue comover seu coração?

Sabe por quê? Porque enquanto não for o sangue de gente que você ama, espalhado pelo chão, nenhuma dessas perguntas vai ter resposta.