Política

Professor Oriovisto fala sobre sua candidatura ao Senado aos membros da APL

(Foto: Assessoria)

Desde 2006, o Professor Oriovisto Guimarães é o ocupante da cadeira de número 6 da Academia Paranaense de Letras (APL). Na manhã desta quarta-feira (8), durante a reunião mensal da APL, o escritor e atual presidente, Ernani Buchmann, passou a palavra ao professor, que compartilhou com os membros da Academia os motivos que o levaram a aspirar uma vaga ao Senado Federal, entre eles, o desejo de contribuir para a construção de um novo país.

O professor Oriovisto se emocionou ao relatar que o que mais o entristece é conversar com os jovens e ouvir que querem deixar o Brasil para tentar a vida em outro país. “É muito triste ver nossos jovens perderem a paixão e o amor pelo Brasil”, destacou o professor. 

Entre os membros presentes, estavam os professores e juristas René Ariel Dotti e Eduardo Virmond, além de escritores, publicitários e jornalistas como Paulo Vítola e Dante Mendonça. O candidato a vice-governador do Paraná, na coligação de Ratinho Júnior, Darci Piana, também participou do encontro.

O jurista René Ariel Dotti enfatizou a contribuição do Professor Oriovisto no Senado, na área da educação. “Foi perguntado a um grande escritor francês, autor de obras clássicas, como a história da Revolução Francesa, sobre o que é fundamental na política. Ele respondeu: em 1º lugar, a educação; em 2º lugar, a educação e em 3º lugar, a educação. O Brasil vive uma situação trágica na educação fundamental, ensino médio e superior. Não vejo candidatura melhor, em todos os postos a serem disputados no Congresso Nacional, nessa especialidade, como a do Professor Oriovisto”, disse Dotti.