Política Estadual

TCE reforça que publicação de edital em jornal local é obrigatória

Em razão de existir lei especial que regulamenta a publicidade de licitações e contratos administrativos, consiste expressa violação ao artigo 21 da Lei nº 8.666/93 deixar de publicar os resumos de editais de concorrências, tomadas de preços, concursos e leilões nos jornais locais (municipais ou regionais). A orientação é do Pleno do TCE-PR, em resposta a consulta formulada pela prefeita do Município de Mercedes, Cleci Maria Rambo Loffit. A consulta questionou sobre a obrigatoriedade de publicação de aviso com os resumos de editais de licitação em jornal diário de grande circulação no estado e também em jornal local, ante a difusão de diários oficiais eletrônicos, já que a internet promove amplo acesso à informação. O artigo 21 da Lei nº 8.666/93 estabelece que os avisos contendo os resumos dos editais das concorrências, das tomadas de preços, dos concursos e dos leilões realizados pelos municípios deverão ser publicados com antecedência, por no mínimo uma vez, no Diário Oficial do Estado, em jornal diário de grande circulação no estado e, também, se houver, em jornal de circulação no município ou na sua região, podendo ainda ser utilizados outros meios de divulgação. [caption id="attachment_23565" align="aligncenter" width="800"] Ivan Bonilha, Conselheiro do Tribunal de Contas do Paraná[/caption]
“(...) Reconheço a inevitável força da mídia eletrônica, mas, jamais para substituir os jornais”
A Coordenadoria de Fiscalização de Transferências e Contratos (Cofit), responsável pela instrução do processo, ressaltou que consiste em expressa violação ao texto de lei deixar de publicar os resumos dos editais das licitações. O Ministério Público de Contas (MPC-PR) acompanhou o entendimento da unidade técnica O relator do processo, conselheiro, destacou que a publicidade dos atos administrativos garante aos cidadãos os direitos à informação e à transparência da gestão pública, conferindo efetividade aos princípios constitucionais. Os conselheiros aprovaram o voto do relator por unanimidade, na sessão do Tribunal Pleno de 13 de julho. O Acórdão 3197/17 foi publicado em 20 de julho, na edição nº 1.638 do Diário Eletrônico do TCE-PR, veiculado no portal www.tce.pr.gov.br. O trânsito em julgado do processo ocorreu em 31 de julho. Em entrevista concedida à Folha Extra, o conselheiro Tribunal de Contas do Paraná, reforça a importância dos jornais se referindo á mídia impressa como um veículo de comunicação insubstituível. “Considero a veiculação de editais licitatórios pela imprensa escrita, ainda, imprescindível para cumprir com efetividade a publicidade dos atos administrativos. Há maior capilaridade nos jornais impressos, notadamente no interior do Estado, onde a tradição da mídia impressa é decisivamente forte. Reconheço a inevitável força da mídia eletrônica, mas, jamais para substituir os jornais”, finaliza.