conecte-se conosco


FUGA

Picareta, marreta e muita terra: vídeo mostra presos trabalhando em túnel na cadeia pública de Cambará

Publicados

em

Foto: Reprodução/Internet

Um vídeo que a Banda B teve acesso mostra o trabalho que presos da Delegacia de Cambará, Norte do Paraná, tiveram para fazer um túnel, que levou à fuga pelo menos 36 deles. Ao  som da música ‘Os MLK é Liso’, do MC Rodolfinho, as imagens, editadas pelos próprios detentos, mostram todos posando com orgulho e rindo enquanto mexiam no buraco. No pátio da delegacia, aparecem carriola, picareta e muita terra.

Por meio de nota, o Departamento Penitenciário do Paraná garantiu que as imagens foram feitas durante a limpeza da Cadeia Pública de Cambará, mas sem deixar claro em qual data. Na madrugada da última terça-feira (22), 36 presos contaminados por Covid-19 conseguiram fugir por este buraco que aparece nas imagens. No dia anterior, 118 dos 122 detentos da unidade testaram positivo para a Covid-19 e todos que fugiram estavam contaminados. Até o momento, nove foram recapturados, sendo que dois logo em seguida.

No dia da fuga, o coordenador regional do Depen, Reginaldo Peixoto, disse à Banda B como aconteceu a fuga. “Por volta das 5 horas, numa ronda, foi encontrado um túnel. Foi então que com a contagem verificamos que houve a fuga. Estamos com a PM no local e já providenciamos o fechamento deste buraco. São 118 casos confirmados com Covid”, disse na terça-feira.

Nesta sexta-feira (25), assim que recebeu o vídeo com os presos trabalhando no túnel, a Banda B entrou em contato novamente com o Depen, mas até o momento não há uma posição.  Se as imagens foram feitas antes da fuga, a dúvida é saber como ninguém na delegacia viu. A Banda B aguarda o retorno do Depen.

Assista:

Leia Também:  Mulher acha notas de R$ 200 e fatura de cartão na rua, paga a conta e procura dono pelo Facebook

 

Confira a nota encaminhada pelo Depen:

O Departamento Penitenciário do Paraná esclarece que as imagens foram feitas durante a limpeza da Cadeia Pública de Cambará. A terra que aparece nas imagens estava no interior da carceragem e foi colocada para fora pelos presos, para, em seguida ser levada para fora da unidade prisional, procedimento que está sendo feito nesta sexta-feira (25/09). O Depen informa ainda que já tomou as medidas cabíveis em relação ao aparelho celular utilizado pelos detentos.

 

Via: Banda B.

COMENTE ABAIXO:

Notícias

Fiscalização da velocidade de veículos em rodovias tem novas normas. Veja como fica

Publicados

em

Foto: Ilustrativa - Reprodução/Internet

A partir de 1º de novembro, entram em vigor os requisitos técnicos mínimos para a fiscalização da velocidade de veículos automotores, elétricos, reboques e semirreboques definidos pela Resolução Nº 798, publicada em setembro pelo Conselho Nacional de Trânsito (Contran).

Com as medidas, o Contran, órgão vinculado ao Ministério da Infraestrutura, pretende privilegiar o caráter educativo, em vez do meramente punitivo, em suas fiscalizações ostensivas no trânsito.

A Resolução 798 apresenta regras e critérios técnicos para instalação e uso de radares fixos ou portáteis, de forma a evitar que sejam instalados em locais pouco visíveis. A norma determina que os locais em que houver fiscalização de excesso de velocidade por meio de medidores do tipo fixo sejam precedidos de sinalização, de forma a garantir a segurança viária e informar, aos condutores, a velocidade máxima permitida para o local.

Segundo o presidente do Contran e diretor-geral do Departamento Nacional de Trânsito (Denatran), Frederico Carneiro, o propósito das mudanças é fazer com que o condutor seja alertado do limite de velocidade da via, perceba os riscos, reduza a velocidade do veículo e, com isso, reduza as chances de sofrer acidentes.

“O que se pretende é fazer com que os limites de velocidade sejam obedecidos em vez de simplesmente multar o condutor. A fiscalização ostensiva e educativa fortalece medidas preventivas e de segurança, evitando violações de normas”, acrescentou Carneiro, em e-mail enviado à Agência Brasil.

Leia Também:  Alep aprova lei de Martins que torna Jacarezinho a “Capital Estudantil do Norte Pioneiro”

Entre as mudanças implementadas estão também a proibição do uso de equipamentos sem dispositivo registrador de imagem; a restrição do uso do radar do tipo fixo redutor em trechos críticos e de vulnerabilidade de usuários da via, especialmente, pedestres, ciclistas e veículos não motorizados; e a publicação da relação dos trechos e locais aptos a serem fiscalizados nos sites da autoridade de trânsito com circunscrição sobre a via.

 

VIA: Agência Brasil.

COMENTE ABAIXO:
Continue lendo

ENTRETENIMENTO

MAIS LIDAS DA SEMANA

Aviso importante: A reprodução total ou parcial de qualquer conteúdo (textos, imagens, infográficos, arquivos em flash, etc) do portal não é permitida e, caso se configure, poderá ser objeto de denúncia tanto nos mecanismos de busca quanto na esfera judicial. Se você possui um blog ou site e deseja estabelecer uma parceria para reproduzir nosso conteúdo, entre em contato por e-mail. Copyright © 2020