conecte-se conosco


RESULTADO

Ratinho Júnior testa negativo para Covid-19

Publicados

em

Foto: Reprodução/Internet

O governador Ratinho Júnior (PSD) testou negativo para o Covid-19, segundo resultado divulgado nesta quarta-feira (08) pela assessoria do governo. Ratinho estava em isolamento desde a terça-feira (07) após um de seus assessores testar positivo para coronavírus. Foi a terceira vez que ele fez o exame desde o início da pandemia, todas com resultado negativo.

Também fizeram o teste duas secretárias, três assessores, um segurança e mais um funcionário que trabalha no gabinete do governador, que estão em isolamento até saírem os resultados. Nenhum deles teve sintomas da doença, de acordo com o Palácio Iguaçu.

O governador volta ao trabalho hoje, mas deve continuar mantendo reuniões por videoconferência. Em março, após participar de uma comitiva com o presidente Jair Bolsonaro aos Estados Unidos, Ratinho Jr já havia feito o teste, que deu negativo.

 

Via: Bem

COMENTE ABAIXO:
Leia Também:  Governo e deputados debatem Orçamento e controle da pandemia

Política

Aprovado pela Assembleia projeto do Governo do Estado que restabelece parcelamento de ICMS

Publicados

em

Foto: Ilustrativa - Reprodução/Internet

A proposta do Poder Executivo que trata do parcelamento de dívidas relativas ao Imposto sobre Circulação de Mercadorias e Serviços (ICMS) foi aprovada pela Assembleia Legislativa do Paraná (Alep) durante sessão plenária remota desta segunda-feira (23).

O projeto de lei 645/2020 restabelece os termos de acordo de parcelamento do imposto dos contratos que foram cancelados por inadimplência em decorrência do não pagamento das parcelas de março a junho de 2020.

O projeto passou em primeiro e segundo turnos. Sem ter recebido emendas e com a dispensa de votação da redação final aprovada, o texto segue agora para sanção do governador Ratinho Junior.

“É mais uma iniciativa do Governo do Estado para dar apoio às empresas que não conseguiram, por conta desse período turbulento de pandemia do novo coronavírus, honrar com seus compromissos financeiros”, destacou o deputado estadual Cobra Repórter (PSD), vice-líder do Governo.

De acordo com a proposta, o restabelecimento do contrato fica condicionado ao “pagamento integral das parcelas vencidas em até noventa dias contados do primeiro dia do mês seguinte à reativação do Termo de Acordo de Parcelamento”.

Leia Também:  Aprovado pela Assembleia projeto do Governo do Estado que restabelece parcelamento de ICMS

A medida não implicará na dispensa do pagamento de multas e juros sobre as parcelas vencidas e o pagamento das demais parcelas seguirão as datas originas do contrato com as mesmas condições acordadas na época da assinatura do parcelamento. Portanto, ressalta o Governo, inexiste assim qualquer medida de renúncia fiscal.

 

VIA: Assessoria.

COMENTE ABAIXO:
Continue lendo

ENTRETENIMENTO

MAIS LIDAS DA SEMANA

Aviso importante: A reprodução total ou parcial de qualquer conteúdo (textos, imagens, infográficos, arquivos em flash, etc) do portal não é permitida e, caso se configure, poderá ser objeto de denúncia tanto nos mecanismos de busca quanto na esfera judicial. Se você possui um blog ou site e deseja estabelecer uma parceria para reproduzir nosso conteúdo, entre em contato por e-mail. Copyright © 2020