conecte-se conosco


SANTO ANTÔNIO DA PLATINA

Acusados de homicídio são absolvidos por fragilidade de provas

Publicados

em

Decisão foi tomada pelo Júri nesta terça-feira - Foto: Junior Queiroz

Dois réus acusados pelo crime de homicídio qualificado foram absolvidos pelo Júri da Comarca de Santo Antônio da Platina. A decisão aconteceu nesta terça-feira (10) e justificada pela ausência de provas.

Os réus eram acusados de terem assassinado Atemir Trindade Moreira, que era popularmente conhecido como “Tiririca”. O crime foi registrado no ano de 2013 na Vila Santa Terezinha. Segundo a denúncia, os dois réus teriam armado uma emboscada para matar a vítima que foi morta com três tiros.

Contudo, o Ministério Público apontou fragilidade de provas, além de citar a confissão da autoria do crime por parte de um adolescente. Segundo os relatos do menor, ele teria matado Atemir por vingança, visto que o mesmo havia lhe dado um tapa no rosto. Com isso, o menor confessou ter comprado um revólver e assassinado a vítima. A confissão foi ouvida durante o julgamento. Além disso, o autor do crime já cumpriu a pena no Cense.

Fonte: Portal Ta no Site.

COMENTE ABAIXO:
Leia Também:  Denúncia por falta de segurança preocupa engenheiros do CREA
Propaganda

Cidades

Estudantes da rede estadual já podem baixar aplicativo para assistir às aulas EaD

Publicados

em

Foto: Ilustrativa - Reprodução/Internet

Os estudantes da rede estadual de Educação do Paraná já podem baixar o aplicativo Aula Paraná, por meio do qual poderão acompanhar a produção EaD da Secretaria do Estado da Educação e do Esporte (Seed), alternativa que será utilizada enquanto perdurar a crise do coronavírus no país. No aplicativo, além de assistir às aulas, os alunos poderão interagir com seus colegas e professores em tempo real, em um chat que funcionará como uma espécie de “sala de aula virtual”.

O Aula Paraná está disponível para ser baixado em celulares que utilizam o sistema Android (para baixar, clique aqui) e em aparelhos iOS (para baixar, clique aqui). Para fazer o login, o aluno deve colocar seu número do Cadastro Geral da Matrícula (CGM) no campo “usuário”. Já a senha é a data de nascimento do estudante, no formato DDMMAAAA. Para os alunos que não se lembram de seus CGMs, será adicionada ao site da Área do Aluno a opção “recuperar CGM”.

Leia Também:  Eletricista é preso em concessionária acusado de estuprar enteada de sete anos

Leia também: Educação desenvolve EaD com foco no protagonismo do professor

Vale destacar que o Aula Paraná não consome dados de 3G e 4G e pode ser acessado, inclusive, em celulares pré-pagos, já que o Governo do Estado está providenciado pacotes junto às operadoras.

“Estamos passando por um período excepcional que também exige medidas excepcionais. As aulas EaD são a solução que encontramos para que os estudantes do Paraná não tenham seu ano letivo prejudicado por conta do coronavírus. A equipe da Seed está trabalhando muito para que o conteúdo chegue com qualidade aos nossos alunos nesse momento tão difícil”, afirma o secretário Renato Feder.

A partir de segunda-feira (6), as aulas poderão ser acompanhadas tanto no aplicativo quanto em canais vinculados à RIC, afiliada da Rede Record no Paraná. São três canais diferentes: um para os sextos e sétimos anos do Ensino Fundamental, outro para os oitavos e nonos anos e um terceiro para o Ensino Médio. Os números para sintonização seguem o padrão ponto 2, ponto 3 e ponto 4. Por exemplo: em Curitiba, a transmissão será nos canais 7.2, 7.3 e 7.4. A lista dos canais da RIC por cidade pode ser acessada aqui . As aulas serão transmitidas no mesmo horário tanto na televisão quanto no aplicativo.

Leia Também:  Carro funerário transportando corpo de idosa colide com poste

AULAS EAD – O lançamento oficial da iniciativa está previsto para os próximos dias, em conjunto com o governador do Estado, Carlos Massa Ratinho Junior.

As aulas na modalidade EaD foram a alternativa encontrada para que os cerca de 1 milhão de estudantes da rede não tenham seu processo de ensino e aprendizagem prejudicado devido ao momento delicado pelo qual o país passa. Os colégios só serão reabertos quando a situação for considerada segura pelas autoridades sanitárias.

A proposta foi desenvolvida respeitando a Constituição Federal e o conceito de amplo acesso à educação. Vale ressaltar que houve ampla aceitação por parte do Conselho Estadual de Educação (CEE), que deliberou de forma favorável por 17 votos a um.

COMENTE ABAIXO:
Continue lendo

ENTRETENIMENTO

MAIS LIDAS DA SEMANA

Aviso importante: A reprodução total ou parcial de qualquer conteúdo (textos, imagens, infográficos, arquivos em flash, etc) do portal não é permitida e, caso se configure, poderá ser objeto de denúncia tanto nos mecanismos de busca quanto na esfera judicial. Se você possui um blog ou site e deseja estabelecer uma parceria para reproduzir nosso conteúdo, entre em contato por e-mail. Copyright © 2020